Eddie se Envolve em Polêmica Sobre Israel

Captura de Tela 2014-07-14 às 09.46.28

No show que o Pearl Jam fez em Milton Keynes, o último da recente turnê europeia, o Eddie fez um pequeno discurso (vídeo abaixo) durante a música “Daughter” sobre guerra. Até aí tudo bem; todos nós sabemos que o Eddie é, acima de tudo, um pacifista, e rejeita totalmente a opção guerra como estratégia para se atingir um objetivo.

Mas, durante a sua fala, aconteceu algo que está gerando polêmica. Vou transcrever partes do discurso para deixar tudo mais claro:

Depois de falar sobre paz, que todos nós queremos ter uma vida tranquila, os benefícios da tecnologia moderna, etc.. Eddie comentou:

“E ao mesmo tempo que essas coisas positivas estão acontecendo, não muito longe daqui, pessoas estão jogando bombas umas nas outras.”

Em seguida, e aí temos o tal comentário polêmico, ele menciona o fato de pessoas querendo roubar terras da outra.

“Há pessoas por aí que querem achar um motivo para matar. Estão procurando um motivo para invadir fronteiras e tomar terras que não pertencem a eles; essas pessoas tem que cair fora e cuidar dos próprios problemas”

De acordo com o jornalista desse artigo aqui, o Eddie fez um discurso fortemente anti-israel. Além disso, o administrador da página “Bring Pearl Jam to Israel”, com mais de 40 mil likes, ameaçou apagar o grupo devido a essa polêmica, comentando que “a sua (Eddie) verdadeira face finalmente foi revelada”.

Para completar, está acontecendo uma grande discussão no fórum oficial do Pearl Jam, e até mesmo Brad Klausen, artista que faz posters para os shows da banda, comentou (defendendo o Eddie) no tópico sobre o assunto.

OPINIÃO DA PEARL JAM TO FLY:

Realmente pareceu que ele se referiu ao conflito Israel-Palestina. Acredito que de fato, nessas últimas décadas, Israel tem sido mais “hostil”, principalmente se tratando de territórios, basta ver o quanto de terras palestinas foram tomadas, legalmente através de negociações, e ilegalmente devido a ataques e invasões. Mas a questão para por aí. Nenhum dos dois países parece estar disposto a negociar um acordo de paz, e ataques terroristas, tanto de um lado quanto outro, tornaram-se cotidianos, ou seja, ninguém é inocente nessa história. O problema é que essa disputa envolve fatores extremamente complicados: religião, história, antigos remorsos, etc. E parece que a solução está a cada ano mais distante.

Com relação aos comentários do Eddie, talvez ele pudesse ser mais sutil no que disse (o vinho deixou ele mais efusivo, certamente), mas apoio 100% seus comentários políticos em shows; ele é uma pessoa inteligente e nós, amantes do Pearl Jam e admiradores dele, queremos ter uma relação maior que a música e entender melhor esse lado mais humano e menos artístico dele. Acho que ele foi agressivo demais, só que mais pelo ódio que ele tem de guerras (e quem não tem) e menos por estar do lado de Israel, ou seja o que for.

Reitero, ele pode opinar no que quiser durante shows, afinal, as músicas políticas dele são tocadas e todos nós gostamos, e falar sobre temas assim, na minha opinião, é apenas uma extensão desse Eddie que a gente tanto adora e idolatra.

*Abaixo, o vídeo com o discurso completo:

Anúncios

11 comentários em “Eddie se Envolve em Polêmica Sobre Israel”

  1. Qualquer que seja o argumento pra iniciar uma guerra, tá errado. Eddie não é santo, mas não falou nada demais. Quem é racional pensa o mesmo. Quanto ao fã que se doeu, azar o de Israel. Venha pro Brasil no lugar e tá ótimo.

  2. Cara, quando ouvi o discurso ainda sem saber dessa polêmica, pra mim estava claro q o Eddie estava se referindo aos EUA q usa a guerra contra o terror como disculpa pra invadir países… Ele nunca ia tomar partido de um país no qual não conhece a situação e os problemas… Pra mim não existe polêmica nenhuma, só intriga de quem quer aparecer.

    1. Realmente pareceu que ele se referiu ao conflito Israel-Palestina. Acredito que de fato, nessas últimas décadas, Israel tem sido mais “hostil”, principalmente se tratando de territórios, basta ver o quanto de terras palestinas foram tomadas, legalmente através de negociações, e ilegalmente devido a ataques e invasões. Mas a questão para por aí. Nenhum dos dois países parece estar disposto a negociar um acordo de paz, e ataques terroristas, tanto de um lado quanto outro, tornaram-se cotidianos, ou seja, ninguém é inocente nessa história. O problema é que essa disputa envolve fatores extremamente complicados: religião, história, antigos remorsos, etc. E parece que a solução está a cada ano mais distante.

      Com relação aos comentários do Eddie, talvez ele pudesse ser mais sutil no que disse (o vinho deixou ele mais efusivo, certamente), mas apoio 100% seus comentários políticos em shows; ele é uma pessoa inteligente e nós, amantes do Pearl Jam e admiradores dele, queremos ter uma relação maior que a música e entender melhor esse lado mais humano e menos artístico dele. Acho que ele foi agressivo demais, só que mais pelo ódio que ele tem de guerras (e quem não tem) e menos por estar do lado de Israel, ou seja o que for.

      Reitero, ele pode opinar no que quiser durante shows, afinal, as músicas políticas dele são tocadas e todos nós gostamos, e falar sobre temas assim, na minha opinião, é apenas uma extensão desse Eddie que a gente tanto adora e idolatra.

  3. Gente,todo mundo sabe que o Eddie é um grande defensor da paz e,pra mim,ele não fez nada de mais expondo a opinião dele (coisa que todos os fãs já sabiam) sobre o assunto! Acho que essa história de ”polêmica” e ”Eddie Anti-Israel” não passa de uma jogada para ganhar divulgação para essa tal página de Israel.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s